sexta-feira, 1 de janeiro de 2010

P301-Exposição fotográfica do Fernando Gouveia

O Fernando Gouveia é também um frequentador 
(embora não assíduo...) das nossas quartas-feiras no Milho Rei. Durante a guerra, quando as suas obrigações militares não o apertavam, agarrava na sua amiga Fujica e dava umas voltas por Bafatá e pelas tabancas vizinhas, a Rocha, a Nema e a Ponte Nova.
Eu conheci a irmã da Fujica, a minha amiga Yashica, com a qual também andei por outros lados. Mas isto são histórias que já contei ao Luís Graça.
Vamos a esta amizade do Fernando com a Fujica. Deu frutos que ele agora quer mostrar a toda a gente. Está em exposição na VIVACIDADE, uma amável Associação sita na Rua Alves Redol, nº 364-B, no Porto (perto da Rua Damião de Góis), dirigida por uma também amável e simpática senhora, Maria Adelaide Pereira. E é isto:
1 - Um olhar e um sorriso. Crianças da tabanca da Rocha (creio que é esta imagem que mostro aqui).
2 - Pescador em contra luz. No rio Geba.
3 - Consertando as redes. Junto ao rio Geba.
4 - Uma jove mãe? Em Bafatá.
5 - Vulto fugidio. Na tabanca da Ponte Nova.
6 - Vendedora 1. Vendendo bolinhos no Mercado de Bafatá.
7 - Vendedora 2. Vendendo uma mistura de pedaços de vários tipos de folhas para confeccionar o molho com que comiam o arroz, sua quase ementa diária. Mercado de Bafatá.
8 - O banho diário. Na tabanca da Rocha.
9 - Um bajuda saracolé. Na tabanca da Ponte Nova.
10 - O ourives de Bafatá. Junto à mesquita em dia de Ramadão.
11 - Velho muçulmano. Junto á mesquita.
12 - Recolhendo o vinho de palma. Perto de Bafatá.
13 - Mortal de um dançarino. Numa festividade em Bafatá.
14 - "Asa" protectora. Em Bafatá.
15 - A primeira mulher (das quatro) do chefe da milícia. Na tabanca de Madina Xaquili.
16 - Adormecido depois da mamada. No mercado de Bafatá.
17 - O colorido das vestes ou tal mãe tal filha. No mercado de Bafatá.
18 - Depois do banho. Na tabanca de Amedalai, próximo de Bafatá.
19 - Mulher de um milícia. Na tabanca de Madina Xaquili.
20 - Vendedor de cola. Numa rua de Bafatá.
21 - Vendedora de mancarra torrada. Em Bafatá.
22 - Todas as crianças nascem brancas. Na tabanca de Rocha.

Cada fotografia, com moldura, tem um preço de 20 euros. A totalidade dos direitos de autor é para as crianças da Guiné, através da nossa congénere ONGD "Ajuda Amiga".

A exposição vai estar na VIVACIDADE desde já 4 de Janeiro até 26 de Fevereiro.
Estou encantado com "Um olhar e um sorriso" e vou estar lá logo no início para o ter.

aa

1 comentário:

  1. Lá estarei para ver e recordar outros cantos dos nossos caminhos

    ResponderEliminar